Prevenção é estilo de vida

Angelo Vertti, 27 de outubro de 2020

Estamos no Outubro Rosa, mês de conscientização sobre o câncer de mama, que tem incidência muito maior em mulheres, mas que também pode acometer os homens.

O Instituto Nacional de Câncer (INCA) estima que para cada ano do triênio 2020, 2021 e 2022, sejam diagnosticados no Brasil 66.280 novos casos de câncer de mama, com um risco estimado de 61,61 casos a cada 100 mil mulheres.

O câncer de mama não é uma doença silenciosa, pois ela dá sinais no corpo que podem ser vistos pelo autoexame e pelo exame de mamografia. A doença tem mais chances de cura quando descoberta no início. Por isso é muito importante os cuidados em casa e a visita anual ao médico, principalmente para as mulheres com mais de 50 anos. O recomendado é fazer a mamografia todos os anos após essa idade.

Confira os sinais do câncer de mama:

– Inchaço de toda ou parte de uma mama (mesmo que não se sinta um nódulo).

– Nódulo único endurecido.

– Irritação ou abaulamento de uma parte da mama.

– Dor na mama ou mamilo.

– Inversão do mamilo.

– Eritema (vermelhidão) na pele.

– Edema (inchaço) da pele.

– Espessamento ou retração da pele ou do mamilo.

– Secreção sanguinolenta ou serosa pelos mamilos.

– Linfonodos aumentados.

Caso você perceba alguns sinais, procure ajuda médica. A prevenção salva vidas.